Com jeito tímido, Helena Midori Agena e Silva, dona da barraca de pastel Agena, vencedora do concurso Melhor Pastel de São Paulo, disse que não tem segredo para a receita de seus pastéis. “A gente faz com carinho e dedicação. Sempre prezei pela qualidade, limpeza, bom atendimento e a família sempre junto. Não fiz nada de especial para ganhar o concurso”, contou.

O resultado do concurso Melhor Pastel de São Paulo saiu na tarde desta segunda-feira (23). Foram dez finalistas entre 230 participantes. Trinta e cinco jurados técnicos e 70 VIPs (pessoas que representaram bairros de São Paulo) fizeram parte do júri.

O marido, Benedito Paulino Silva, acompanhado de um dos dois filhos do casal, foi quem recebeu das mãos do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, o título e o cheque no valor de R$ 8 mil. “Vou dar parte deste dinheiro para os funcionários e melhorar a barraca”, disse Benedito, também proprietário da barraca Agena.

Para o prefeito, que comeu pelo menos três pastéis antes do resultado do concurso, a iniciativa dá uma visibilidade maior às barracas. “O concurso dá visibilidade aos pastéis da capital até mesmo para os turistas. Com o concurso, as barracas dão uma importância maior às questões de higiene e qualidade”, disse Kassab.

Além da premiação do melhor pastel de São Paulo, a barraca também ganhou o prêmio de melhor pastel da Zona Leste I. A barraca fica na Rua José Gomes de Faria, na Vila Císper, mas a família também tem uma em Atibaia, onde trabalha aos fins de semana.

Helena conta que começou a trabalhar na barraca de pastéis com o pai há 36 anos. Depois de quatro, conheceu o marido, que começou a trabalhar junto. “Quando fui ver, ele já estava perto. Hoje os homens [marido e dois filhos de 22 e 26 anos] cuidam da massa e eu do recheio”, disse.

Depois do resultado do concurso, a barraca da família Agena lotou. “Vim saber se realmente é bom. E está aprovado. A massa é sequinha, o de queijo é uma delícia. Se tiver ainda, vou experimentar o de carne. Muito bom mesmo”, afirmou Altamir Santos, motoboy de 28 anos.

Para Helena, parte do dinheiro vai servir para pagar as contas. “A outra parte deixo o marido resolver”, disse.

Segundo lugar
Segunda colocada neste ano e primeira no ano passado, na primeira edição do concurso, Maria Kuniko Yonaha não ficou triste com o resultado. Além de ganhar os R$ 2 mil da segunda posição, ela também levou a premiação do melhor pastel da Zona Norte com a barraca Pastel da Maria.

“Acho que está certo, não é legal ganhar todo ano. Só meus funcionários que ficaram decepcionados porque R$ 6 mil ficariam para eles e R$ 2 mil para caridade. Com os R$ 2 mil que ganhei, vou comprar carne e cerveja para a gente comemorar. Um dia é da caça e outro é do caçador”, contou.

Com muito bom humor, Maria se mostrou bastante alegre ao receber os prêmios. Neste ano ela disse que melhorou o tempero e disponibilizou melhorias para os clientes. “Coloquei lenço umedecido e lixo reciclado na minha barraca.”

Dos R$ 8 mil que ganhou em 2009, uma parte foi dada aos funcionários e a outra fez reformas na barraca. “Para o próximo ano quero pensar em mais novidades, mas estou contente. Todo mundo merece ganhar. Sei que fiz o meu melhor”, disse Maria.

O terceiro lugar ficou com a barraca Yamashiro, que também levou a premiação do melhor pastel da Zona Sul e o prêmio de R$ 1 mil.

Veja onde encontrar o pastel vencedor do concurso e os outros finalistas:

Barraca Agena
Sexta-feira: Rua José Gomes de Faria, 23, Vila Cisper
Sábado: Rua Tales de Mileto, 392, Cidade AE Carvalho
Domingo: Estrada do Sabão, 448, Cruz das Almas

Pastel da Maria
Terça-feira: Praça Charles Muller, Pacaembu
Quarta-feira: Rua Capitão Manoel Novaes, Jardim São Bento
Quinta-feira: Praça Charles Muller, Pacaembu
Sábado: Alameda Subtenente Francisco Hierro, 351, Parque Novo Mundo
Domingo: Rua dos Trilhos, Mooca

Barraca Yamashiro
Sexta-feira: Rua Luiz Gomes Cardim Sangiardi, Aclimação
Domingo: Viaduto Mateus Torloni, Jabaquara

Fonte: G1 | 23 de agosto de 2010
Foto: Caroline Hasselmann/G1