Presos do sistema prisional de Alagoas fabricaram e doaram mil pães, 800 litros de desinfetante e 500 lençóis para as vítimas das enchentes no Estado. A Intendência Geral do Sistema Prisional (Igesp) entregou a doação ao Corpo de Bombeiros, nesta sexta-feira.

Os detentos continuarão doando mil pães por dia para as vítimas das enxurradas que causaram destruição no estado. As doações irão acontecer pelos próximos 30 dias. Pelo menos 140 presos trabalham como voluntários na fabricação dos pães e dos demais produtos.

A produção diária dos presídios, de Arapiraca e Maceió, é de 12 mil pães. Essa produção abastece a população carcerária, composta por 2.165 presos em Alagoas.

Segundo a Igesp, o óleo de cozinha dos presídios é reaproveitado para a fabricação dos produtos de limpeza. Na fábrica, os presos também aprendem um ofício, barateando o custo da produção e ainda preserva o meio ambiente, evitando que o óleo seja desperdiçado e polua o meio ambiente.

Agência Alagoas | 09 de julho de 2010